O objetivo deste trabalho é analisar os sintomas e o estado de bem-estar autodeclarados dos participantes do programa "Yoga e Promoção da Saúde", que consistiu em aulas de hatha yoga, utilizando técnicas corporais e respiratórias e conteúdo ético-filosófico, ministradas a dois grupos de docentes, funcionários e alunos, de uma universidade pública do Estado de São Paulo, entre agosto/dezembro de 2011 e março/junho de 2012. Os participantes preencheram um instrumento adaptado do Measure Yourself Medical Outcome Profile nos momentos iniciais e finais do programa. Dos 20 participantes do Grupo 1, oito preencheram o instrumento e a metade apresentou melhora do sintoma declarado; concernente ao estado de bem-estar houve uma melhora para três deles. No Grupo 2, também com 20 participantes, nove completaram o programa e todos tiveram melhoras nos sintomas autodeclarados e melhora da percepção de bem-estar. Conclui-se que o yoga é uma prática mente-corpo que atua como importante terapêutica para a maior parte das pessoas, bem como promove saúde para a maioria dos praticantes, inclusive ampliando sua capacidade de autopercepção e autocuidado corporal. Porém, destaca-se que não alcança o mesmo efeito positivo para todos que a praticam, como preconizam algumas tradições de yoga.

Palavras-Chave: Yoga; Práticas mente-corpo; Medicina integrativa; Promoção da Saúde; Estilo de vida

Nelson Filice de Barros, Pamela Siegel Soraia, Maria de Moura, Thaís Adriana Cavalari, Luis Geraldo da Silva, Maria Renata Furlanetti e Andrea Vasconcelos Gonçalves. 

Departamento de Saúde Coletiva, Faculdade de Ciências Médicas, Universidade Estadual de Campinas.

Veja o artigo completo aqui.

Esta matéria da Isto É fala de um estudo internacional mostra que métodos como yoga e acupuntura são eficientes contra a doença. Saiba em que caso eles podem ser mais úteis.

Moa Wolff, Kristina Sundquist, Sara Larsson Lönn and Patrik Midlöv.

Abstract: Medical treatment of hypertension is not always sufficient to achieve blood pressure control. Despite this, previous studies on supplementary therapies, such as yoga, are relatively few. We investigated the effects of two yoga interventions on blood pressure and quality of life in patients in primary health care diagnosed with hypertension.

Veja o artigo completo aqui.

Esta matéria da Revista Veja fala sobre uma pesquisa que comprova, através de imagens de ressonância magnética, que diferentes formas de meditação têm efeitos duradouros na estrutura cerebral. Os efeitos permanecem mesmo quando a pessoa não está meditando!

Estudos anteriores relataram mudanças no cérebro quando as pessoas praticam atividades como relaxamento e meditação. Este estudo vai além, demonstrando pela primeira vez que as mudanças acontecem também nos genes. Vamos meditar?? Veja a reportagem completa do New Scientist aqui.